Contos de Viagem

O Que Fazer Em Amsterdam

por Tomás Yazbek

A charmosa e histórica Amsterdam sempre surpreende seus visitantes. Por detrás de suas construções e canais datados do século XVII, vive uma cidade cosmopolita, com forte espirito inovador, provavelmente em grande parte por influência de seus habitantes, provenientes de mais de 150 países.

Conhecida internacionalmente por sua postura liberal em relação a algumas drogas e ao sexo, a cidade tornou-se um dos destinos preferidos de jovens em busca de diversão, mas todos aqueles que tem a oportunidade de realmente conhecer a cidade, podem atestar que esta fama não condiz com a realidade da cidade. Sim diversos coffee shops vendem drogas legalmente pela cidade e o Red Light District é uma verdadeira vitrine para os profissionais do sexo, mas estes são sem dúvida os menores atrativos da cidade.

All Planet Diaries Amsterdam

Apesar de relativamente pequena, com cerca de 800 mil habitantes, Amsterdam é uma cidade repleta de importantes museus, igrejas e atrações para todos os gostos. Repleta de parques e praças, é uma cidade com inúmeras áreas verdes, todas muito bem aproveitadas por seus habitantes e visitantes. Seu parque mais famoso, o Vondelpark, é uma combinação de jardins, lagos, canais, campos e bosques. Durante o verão abriga o Vondelpark Open Air Theater, com espetáculos variados e gratuitos a todos os visitantes. Outro parque importante, o Oosterpark, um parque mais frequentado por locais, até mesmo por sua localização não central, mas é palco de um importante festival de música do mundo, o Amsterdam Roots Festival, que recebe todos os anos no mês de junho, artistas de diversos países para performances gratuitas.

Vondelpark

Vondelpark

 

São tantos museus e atrações que fica impossível aprofundar no tema, mas a cidade respira arte e história. Na Museumplein ou praça dos museus, ficam três dos mais importantes museus da cidade, o Rijksmuseum, o Museu Van Gogh e o Stedelijk. O Rijksmuseum é sem dúvida um dos mais importantes museus do País. Dedicado a arte e história, o museu conta com um vasto acervo de artistas holandeses, contando a história da arte do país desde a idade média até o século XX. Além disso conta com um belíssimo e importante acervo de arte asiática e europeia. O museu Van Gogh apresenta o mais importante acervo do artista holandês e conta também com rico acervo de seus contemporâneos e influências. O Stedelijk é casa do principal acervo de arte moderna, contemporânea e design da cidade.

Rijksmuseum

Rijksmuseum

 

Ainda na praça (Museumplein), fica a Concertgebouw, uma das três melhores salas de concerto do mundo, ao lado da Symphony Hall em Boston e da Musikverein em Viena. Um belíssimo edifício, com mais de 800 concertos anuais e um público superior a 700 mil pessoas, a Concertgebouw é também uma das mais frequentadas do mundo.

Concertgebouw

Concertgebouw

 

A Dam, praça localizada no centro histórico de Amsterdam, é outro destino essencial, além de palco de diversos eventos históricos do país ao longo dos séculos, é também o endereço de diversos edifícios históricos, como o magnifico Palácio Real de Amsterdam, um dos quatro palácios a disposição da família real e exemplo clássico da arquitetura holandesa, e também da Nieuwe Kerk, ou Igreja Nova, que de nova tem apenas o nome, datada de 1408, foi construída pois a Igreja Velha havia ficado pequena demais para a crescente população.

All Planet Diaries Amsterdam Dam Square

Dam Square

 

Amsterdam abriga também diversos outros museus importantes e interessantes, como por exemplo o Hermitage, museu satélite do Hermitage de São Petersburgo na Rússia, que leva um pouco da arte, história e cultura da Rússia para a cidade. A Casa de Rembrandt, onde o Artista viveu entre 1639 e 1658, mantem um fiel retrato da casa do artista, sua cozinha, seu estúdio e diversos objetos pessoais, alguns pitorescos, tornam a visita interessante. Outro museu que sem dúvida vale a visita, A Casa de Anne Frank, mostra o esconderijo onde Anne e sua família viveram ao lado de outras duas famílias durante parte da segunda guerra. O local onde Anne Frank escreveu seu famoso diário emociona, além de uma visita virtual, a casa abriga o diário original e apresenta diversas mostras temporárias sobre o nazismo e fascismo na época e nos dias de hoje, interessante e triste, um espaço a ser preservado para lembrar dos horrores do passado e prevenir que aconteçam novamente.

A casa de Anne Frank

A casa de Anne Frank

 

Hoje os holandeses estão se igualando aos escandinavos, já conhecidos como os mestres do design vanguardista, com inúmeras lojas de design peculiar, galerias e estúdios de arte, e até mesmo estilistas precursores, com uma sofisticada gastronomia e ainda na região portuária da cidade sua arquitetura futurística, com uma linguagem moderna que homenageia também as históricas casas dos canais da cidade, Amsterdam é de fato uma cidade com muito a se explorar, e sem dúvida vale ser visitada e vivida.

Para não prolongar ainda mais o texto, resolvi preparar um pequeno guia, com algumas atividades interessantes e restaurantes. Espero que gostem das dicas.

Alguns Programas:

– Mesmo para aqueles que não sejam fãs de beber, uma experiência muito interessante é a visita a antiga fábrica da famosa cerveja Heineken. No local onde até 1988 funcionou a cervejaria, um museu ganhou espaço e oferece tours e exibições interativas, além é claro de bares para degustação de cerveja, vale lembrar que no ingresso 3 copos de cerveja estão inclusos.

– O Red Light District também acho que vale a visita, mulheres, homens e transexuais ficam literalmente em vitrines se expondo como mercadoria para seus potenciais clientes, completamente turístico, é seguro e diria um pouco surreal então sugiro um rápido passeio pela área, que conta também com um museu do sexo, este por sua vez acho que pode ser pulada a visita, não apresenta nada de tão inusitado ou interessante.

Programas Gastronômicos:

– Os holandeses apreciam batata frita como nenhum outro povo! A cidade tem várias barraquinhas que servem exclusivamente batatas fritas, mas sem dúvida a melhor é uma pequena venda escondida em uma rua não turística da cidade. É só uma portinha. Se chama Vleminckx, tem grandes filas, mas sem dúvida vale a visita.

Endereço: Voetboogstraat 31.

– Para os amantes de doce (como eu), uma experiência gastronômica surreal são aqueles Waffles recheados de caramelo, muitos já deve ter comido em São Paulo ou algum lugar do mundo, mas para quem não sabe é um doce tipicamente holandês, então sugiro provar um autêntico e fresquinho em qualquer feira de rua da cidade.

Alguns Restaurantes:

– O Momo, excelente restaurante, vale a visita para aqueles que apreciam a gastronomia Pan-Asiática. Fica dentro do Park Hotel, e para mim é um dos melhores restaurantes da cidade. Vale lembrar que fora do Brasil, é comum os melhores restaurantes localizarem-se em hotéis.

Endereço: Park hotel, Stadhouderskade 25 – ao lado do Vondelpark então um programa interessante pode ser almoçar no Momo e passar o restante do dia no parque.

– Outro restaurante para mim imperdível é o La Rive, um francês elegante com cozinha impecável, localizado no Amstel, um tradicional hotel hoje administrado pela rede Intercontinental, que além do hotel e à vista do restaurante serem maravilhosos, o premiado e estrelado chefe foi pupilo do maior chef francês da atualidade, Alain Ducasse. Realmente vale a visita apesar do preço um pouco salgado.

Endereço: Intercontinental Amstel Amsterdam, Professor Tulpplein 1.

Elkaar– um BIB gourmand (bom e barato Michelin) aconchegante, comi o melhor molho de tomate da minha vida. Simples, mas incrível. Não sei se o cardápio é o mesmo mas acho que vale olhar, gostei tanto que em minha última passagem pela cidade fui duas vezes na mesma semana só pelo molho.

Endereço: Alexanderplein 6.

– O Le Garage, outro francês gostoso e bem frequentado de preço médio, é comparável ao nosso paulistano Spot, realmente sempre cheio e com pessoas bonitas e ainda pouco turístico.

Endereço: 54-56 Ruysdaelstraat

Espero que gostem das dicas! E com certeza a equipe da All Planet pode ajudar a encontrar as melhores opções em hotel e transporte para Amsterdam e toda Europa!

Siga a All Planet Diaries no Bloglovin, Facebook e Instagram

Nunca Perca Outro Post!

Fique sabendo de todas nossas novidades e promoções por e-mail

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply